Capítulo 15

E agora?

"A nuca é um mistério para a vista."

O curso FJ-21, Java para desenvolvimento Web, procura abordar as principais tecnologias do mercado Web em Java desde seus fundamentos até os frameworks mais usados.

Mas e agora, para onde direcionar seus estudos e sua carreira?

15.1 - Os apêndices dessa apostila

Os próximos capítulos da apostila são apêndices extras para expandir seu estudo em algumas áreas que podem ser de seu interesse:

15.2 - Frameworks Web

O mercado de frameworks Java é imenso. Há muitas opções boas disponíveis no mercado e muitos pontos a considerar na adoção ou estudo de algum novo framework.

O Struts com certeza é o framework com maior unanimidade no mercado, em especial por causa de sua versão 1.x. A versão 2.0 não tem tanta força mas é um dos mais importantes.

O VRaptor, criado na USP em 2004 e mantido hoje pela Caelum e por uma grande comunidade, não tem o tamanho do mercado de outros grandes frameworks. Mas tem a vantagem da extrema simplicidade e grande produtividade, além de ser bem focado no mercado brasileiro, com documentação em português e muito material disponível. A Caelum inclusive disponibiliza um curso de VRaptor, o FJ-28 que possui sua apostila disponível para download gratuito na Internet em:

http://www.caelum.com.br/apostilas

Um dos frameworks mais usados hoje é o JavaServer Faces - JSF. Seu grande apelo é ser o framework oficial do Java EE para Web, enquanto que todos os outros são de terceiros. O JSF tem ainda muitas características diferentes do Struts ou do VRaptor que vimos nesse curso.

Em especial, o JSF é dito um framework component-based, enquanto que Struts (1 e 2) e VRaptor são ditos request-based ou action-based. A ideia principal de um framework de componentes é abstrair muitos dos conceitos da Web e do protocolo HTTP provendo uma forma de programação mais parecida com programação para Desktop. O JSF tem componentes visuais ricos já prontos, funciona através de tratamento de eventos e é stateful (ao contrário da Web "normal" onde tudo é stateless). Na Caelum, o curso FJ-26 trata de JavaServer Faces:

http://www.caelum.com.br/curso/fj26

Mas o JSF não é único framework baseado em componentes. Há outras opções (menos famosas) como o Google Web Toolkit - GWT ou o Apache Wicket. Da mesma forma, há outros frameworks request-based além de Struts e VRaptor, como o Stripes ou o Spring MVC. Na Caelum, o Spring e Spring MVC é tratado em detalhes no curso FJ-27, junto com outras funcionalidades do Spring:

http://www.caelum.com.br/curso/fj27

Toda essa pluralidade de frameworks é boa para fomentar competição e inovação no mercado, mas pode confundir muito o programador que está iniciando nesse meio. Um bom caminho a seguir após esse curso FJ-21 é continuar aprofundando seus conhecimentos no Spring MVC e no VRaptor (com ajuda da apostila aberta) e partir depois para o estudo do JSF. Os outros frameworks você vai acabar eventualmente encontrando algum dia em sua carreira, mas não se preocupe em aprender todos no começo.

Você não está nessa página a toa

Você chegou aqui porque a Caelum é referência nacional em cursos de Java, Ruby, Agile, Mobile, Web e .NET.
Faça curso com quem escreveu essa apostila.

Consulte as vantagens do curso Java para Desenvolvimento Web.

15.3 - Frameworks de persistência

Quando falamos de frameworks voltados para persistência e bancos de dados, felizmente, não há tanta dúvida quanto no mundo dos frameworks Web. O Hibernate é praticamente unanimidade no mercado Java, principalmente se usado como implementação da JPA. Há outras possibilidades, como o Toplink, o EclipseLink, o OpenJPA, o DataNucleus, o JDO, o iBatis etc. Mas o Hibernate é o mais importante.

Na Caelum, abordamos JPA e Hibernate avançado no curso FJ-25:

http://www.caelum.com.br/curso/fj25

Há ainda livros e documentações disponíveis sobre Hibernate. Recomendamos fortemente que você aprofunde seus estudos no Hibernate que é muito usado e pedido no mercado Java hoje.

15.4 - Onde seguir seus estudos

A Caelum disponibiliza para download gratuito algumas das apostilas de seus treinamentos. Você pode baixar direto no site:

http://www.caelum.com.br/apostilas

O Blog da Caelum é ainda outra forma de acompanhar novidades e expandir seus conhecimentos:

http://blog.caelum.com.br

Diversas revistas, no Brasil e no exterior, estudam o mundo Java como ninguém e podem ajudar o iniciante a conhecer muito do que está acontecendo lá fora nas aplicações comerciais.

Lembrando que a editora Casa do Código possui livros de JSF e JPA que podem te auxiliar também na continuação e reforço dos seus estudos:

http://www.CasaDoCodigo.com.br